Trabalhadores da educação de Lauro de Freitas decidem parar por 48 horas

setembro 14, 2017


Os trabalhadores da educação do município de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), irão paralisar as atividades por dois dias, a partir da próxima segunda-feira (19). A paralisação foi acordada em assembleia realizada na manhã desta quinta-feira (14), no clube da Associação dos Funcionários Públicos do Estado da Bahia (Afpeb), em Lauro de Freitas.



De acordo com os servidores, a decisão foi tomada após a prefeita Moema Gramacho (PT) não cumprir com os acordos estabelecidos em reunião com o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do município (Asprolf). Entre as reivindicações da categoria estão a convocação de eleição para diretor e vice-diretor, melhorias na infraestrutura das escolas e condições de trabalho, plano de carreira e revisão de processos administrativos.

Com informações do A Tarde
Outras Notícias
© Improta e Andrade Comunicação LTDA
Camaçari em Foco Notícias